sábado, 8 de novembro de 2008

Como Uma Rosa


Nossa vida é como rosa.
Nosso amor é como rosa.
Temos primeiro as folhas, onde tudo é normal.
Há esperança de melhora, esperança do florescimento da rosa.
Mas não há nada com que se preocupar.
Depois temos os espinhos.
Nos machucamos, pensamos em desistir.
Mas se seguirmos em frente, haverá a rosa.
A linda e maravilhosa flor.
Com suas suaves e perfumadas pétalas.
-
Nosso momento atual talvez seja a dos espinhos.
Os espinhos que eu causo.
Causo com essas malditas palavras que insistem em sair da minha boca.
Causo as vezes nem sei como.
Eu gostaria de mudar.
Sair dessa fase estranha.
Às vezes estou no céu, instantes depois tudo desaba.
Me desculpa.
Eu te amo como nunca amei e nunca vou amar ninguém.
Se a rosa é a mais perfeita flor.
Nosso amor é o mais sublime.
Se meus pés não tocam mais o chão, me puxe para baixo.
Mas não me enterre.
Você é o mais perfeito de todo esse jardim.
Amo você!

5 comentários:

' Sofih! disse...

Se você está na fase dos espinhos, é resistir, ter força para cicatrizar os arranhões e caminhar, mesmo que os pés estejam doloridos. Depois de tanto esforço, é hora de aproveitar as pétalas, tomando cuidado para não deixálas cair. Assim é a vida...

Bjsss

darsh. disse...

o mundo anda tão flores..

Talita S. disse...

Todo mundo encontra espinhos de vez em quando.

;*

kinha disse...

Concordo com a talita.
Os espinhos sempre aparecerão.
Porém, cabe a você saber a hora certa de deixa-los passar

D.Ramírez disse...

os espinhos servem para termos conhecimento da ferida, para nunca ferir alguém. Pq a vida são só rosas, flores do campo e tudo de bom que essa natureza nos dá.
Besitos