sexta-feira, 20 de março de 2009

Virgindade

"É considerada virgem a pessoa que ainda não teve experiências sexuais. O conceito virgindade é construído pela sociedade, baseado em critérios tanto biológicos quanto sócio-culturais, e desta forma pode variar grandemente entre as culturas, sendo muito valorizado em alguns meios sociais ou religiosos, especialmente no que diz respeito à preservação da virgindade antes do casamento.
A determinação nas virgindade na mulher está fortemente correlacionada integridade do hímen, sendo, algumas vezes, aceito a pratica de outras formas de sexo que não o rompa, tais como o sexo anal ou oral, e desta forma mantendo o status de virgem."
(Fonte: Wikipédia)

O que é a virgindade pra você?
Qual a importância que você dá a ela?

Virgindade pra mim é um conceito individual.
E não sei mais qual é a real importância dela.
Eu acho que definir a virgindade de uma mulher pela presença ou não de hímen é algo super vulgar.
O meu conceito de virgindade é não ter se entregado a um homem.
Mas não entendo, porque uma sociedade aceita o sexo anal e oral como virgindade...
Porque tanto "respeito" a primeira vez?
Porque a banalização da 'não virgem'?
Porque a primeira vez é tão mais importante que as demais?

Assistindo Malhação esses dias na cena em que a Veridiana tem sua primeira vez com o Luciano ele depois diz:
"Estou sem palavras, não sabia que você ainda era moça..."

Então se fosse a 2ª segunda vez tão teria problema algum?
Ele não se importaria se não a 1ª vez?

Eu quero ter apenas um homem em minha vida, o meu marido.
Me guardo porque quero ser inteiramente dele.
E gostaria que ele fosse apenas meu.
Por isso valorizo a virgindade.

Mas valorizar a virgindade valorizando apenas o primeira vez ou uma misera membrana acho o fim.

Não diria preconceito, mas não gosto de quem 'dá pra todo mundo'...
Detesto tudo que é vulgar, e tudo que banaliza o sexo. Funk por exemplo.

Eu gostaria que toda a sociedade ao invés de valorizar a primeira vez, valorizasse o respeito.
Toda mulher e homem tem que se dar ao respeito e não banalizar seu corpo, nem o do outro.

Gostaria que as pessoas conseguissem descobrir um significado melhor pra tudo isso, que tal o amor, ao invés de só 'créu'?

15 comentários:

Tatiana Maisan. disse...

adorei, adorei!

Sofih disse...

U-A-U. Botou moral.
Essa coisa de virgindade é meio chata pra mim. Eu não acho que sair por aí 'dando' é uma coisa certa, não, é o pior tipo de falta de ética. Mas também não acho que é extremamente inmportante ser virgem até o casamento.
Tem que ter alguém certo. Não pode ser assim com qualquer um! Tudo depende de um pingo de inteligência e moral! =)
Bjoos

Marcela disse...

Concordo eternamente com você! A vulgaridade que é tão adotada ultimamente vai resultar em destinos nada agradáveis. Por mais que reservar o corpo pareça "diferente" agora, nenhuma que reservá-lo vai se arrepender depois. Porque junto dele vai preservar algo insubtituível e essencial: o respeito. Um beijão :*

Isáah disse...

Nossa, nunca tinha parado para pensar na virgindade dessa forma...
Acho que vc tem razão temos que valorizar o respeito do homem em relação as mulheres, por que no fiim é isso que interessa.

Bjiiins

P.S: tb acho o funk ridiculo

Maah disse...

essa coisa de hímen eh ridícula u.u
só pra começar, você pode rompe-lo em uma cavalgada... ¬¬
beeeijo

teu disse...

Muito boa essa sua postangem.
adorei teu blog vum mainha, rsrs.
bju, agora sou teu seguidor.
Mateus C. Itapetinga-BA, brasil

Varda disse...

Virgindade é um assunto prego.

darsh. disse...

seu texto gera reflexões :)

Juuuuh ¬¬ disse...

Esse é mais um dos tabus que existem por ai!
é IMPRESSIONANTE o número de gente mesquinha que insiste em taxações, não acha?!
Seu blog é perfo, gatinha!
Parabéns!

Victória disse...

realmente voce está certa!
perder a virgindade pra mim não é apenas romper o himem. e sim, ter uma relação com alguem.
parabéns pelo blog, tá lindo!
me tornei sua seguidora agora...
beiijos. :*

Luana Lacerda disse...

peeefeito menina, o seu blog tá lindo!
me tornei sua seguidora! Beeijos;@

Tataahzinha disse...

Oiiii! Meu blog mudou!
Agora é esse aqui: www.peripeciasdatatah.blogspot.com

Obrigada a todos que NUNCA me abandonaram e estiveram do meu lado mesmo depois do meu afastamento!
Quem me acompanhava, peço que acompanhem no outro e saiam do antigo tá?

e agora.. VAMO QUE VAMOOO que eu to de volta!
beeeijo

Oscar Menezes disse...

O que acho pior é o conceito de pureza criado pela sociedade cristã (e falo isso sendo cristão). Se a mulher não é virgem, ela não é mais pura. Mas o que fica de fora desse conceito é a pureza de sentimentos. Não pode haver a banalização do sexo, como você mesma bem disse, mas condicionar o caráter de uma mulher ao fato de ela ser virgem ou não é o fim da picada mesmo...

YullyAngel. disse...

NOssa, que lindo ler uma coisa dessas!
Vc pensa como eu!
Até me assustei derrepente!
Tb gostaria de ser apenas do meu marido.
Mas preciso lhe dizer... que isso não é tão facil...
O mundo perdeu os valores a muito tempo querida.
Mas nãos se importe em ser diferente.
Importe-se se começar a ser igual a todos.
bju

Késia Moura disse...

Acho que como diz o poeta "Cada um sabe a dor e a delicia de ser o que é".
Ou não né.
Achei legal a parte do respeito, isso é super valido..

Beijos =D